/ Pretendentes

Qual a melhor garantia para alugar imóvel?

Quando você aluga um apartamento precisa se preocupar com uma coisa: que garantia escolher, ou melhor, qual é aquela que você tem condições de escolher. Se você é proprietário isso pode ser ainda mais estressante, porque escolher mal pode resultar em prejuízo. De acordo com a lei do inquilinato são somente três modalidades de garantia as possíveis em um contrato de locação: fiança, caução e seguro-fiança. E agora o seguro fiança grátis é uma realidade.

Seguro Fiança

Este tipo está se tornando cada vez mais comum, não só pela facilidade, como pelos benefícios e segurança tanto para o locador quanto para o locatário. Além disso, quando o negócio é fechado pela Lokkan essa garantia não tem custo algum, nem para um lado nem para o outro. O seguro fiança grátis é oferecido pela Lokkan em parceria com a Porto Seguro.

O funcionamento é muito simples, o inquilino contrata o seguro fiança junto a Porto Seguro em nome do proprietário e, por intermédio da Lokkan, ele não precisa pagar nenhuma taxa. Basta ter seu cadastro aprovado pela Porto Seguro. A companhia ainda oferece serviços gratuitos de manutenção ao imóvel, além de descontos e vantagens exclusivas do Clube Porto Seguro , como desconto na mudança e até 30 dias grátis para aluguel de box para armazenamento de pertences.

Para o proprietário é locação garantida, ou seja, caso o inquilino venha a ficar inadimplente o seguro fiança é acionado e ele recebe normalmente até que a Lokkan, em parceria com a Porto Seguro, resolva a situação e a desocupação do imóvel.

Veja mais detalhes clicando aqui.

Fiança

Neste caso é preciso encontrar uma pessoa física ou jurídica com capacidade financeira para assumir as despesas caso não seja possível honrar com o aluguel. Como praxe de mercado, ainda é exigido pela maioria das imobiliárias que operam neste modelo tradicional ter pelo menos um imóvel na cidade onde pretende alugar em nome do fiador para comprovar essa capacidade,.

Além do constrangimento do inquilino em pedir para alguém ser seu fiador, esta garantia acaba não sendo confortável para o proprietário, pois pode levar meses para o ressarcimento, além do desgaste com cobrança judicial.

Caução

Nesta modalidade o inquilino coloca em contrato um bem móvel, imóvel ou dinheiro em espécie em poder do locador, travado, em poder do locador enquanto durar o contrato. Existem duas formas mais comuns de transação:

Caução em dinheiro/espécie — de acordo com a lei do inquilinato pode ser de até três vezes o valor da locação (quem define é o proprietário) e o depósito é feito em uma conta poupança. Nem inquilino nem locador podem mexer nessa conta, porém essa proteção pode não ser eficaz, pois o tempo médio de despejo é de 7 a 8 meses. Ou seja, o tempo de prejuízo pode ser maior que a garantia.

Caução em título de capitalização — é uma ótima solução para a modalidade, pois o valor pode ser negociado entre as partes e superar os três aluguéis, trazendo maior proteção ao proprietário. O inquilino conta, ainda, com serviços de manutenção do imóvel, além de sorteios, e o resgate do valor corrigido ao final do contrato. Saiba mais sobre essa garantia, oferecida pela Lokkan, em parceria com a Porto Seguro clicando aqui.

O seguro fiança grátis permite um novo formato de negócios, e é revolucionário não só pela economia — de dinheiro e preocupação — que gera ao inquilino, como pela garantia 100% segura ao proprietário, que não fica com seu imóvel parado e não tem que arcar com indesejáveis ações judiciais.

Se você ainda tem dúvidas de qual garantia é melhor para sua locação, fale com a gente! Seremos seu parceiro para entrar nessa nova era com total segurança!